Style Sampler

Layout Style

Patterns for Boxed Mode

Backgrounds for Boxed Mode

All fields are required.

Close Appointment form

ENDOCRINOLOGIA VETERINÁRIA

  • Home
  • ENDOCRINOLOGIA VETERINÁRIA...
icon
ENDOCRINOLOGIA VETERINÁRIA

No Comments

Endocrinologia Veterinária

cão obeso Problemas da Obesidade Canina

A endocrinologia veterinária de cães e gatos é uma especialidade médica que tem se destacado progressivamente nos últimos dez anos, às custas de melhor capacitação e especialização do médico veterinário e de testes diagnósticos mais apurados e disponíveis em nossos laboratórios.

Trata-se de um ramo da ciência que estuda as doenças hormonais sediadas em diversos tipos de glândulas como hipófise, tireóide, adrenais, pâncreas endócrino, ovários e testículos. Nas endocrinopatias pode ocorrer excesso de secreção hormonal, a exemplo do Hiperadrenocorticismo ou Síndrome de Cushing, Hipertireoidismo, Insulinoma, Hipergonadismo com aumento dos níveis de testosterona ou estrógeno; ou ainda, deficiência hormonal como nos casos de Diabetes mellitus, Diabetes insipidus, Hipotireoidismo, Hipoadrenocorticismo, hipoglicemia, etc.

A obesidade também faz parte do atendimento endocrinológico e atualmente representa a doença nutricional mais comum nos cães e gatos. Os animais obesos apresentam importantes repercussões clínicas deletérias ao organismo, tais como dificuldade locomotora, cansaço fácil, dificuldade respiratória, “roncos” noturnos, alterações cutâneas como “seborréia”, intoler6ancia ao calor e ao exercício, desenvolvimento de Diabetes mellitus, dislipidemia, hipertensão arterial e, certamente, redução da qualidade de vida.

Além dessas enfermidades, destacam-se também as dermatoses endócrinas, a exemplo da Alopecia X”, caracterizada por alopecia generalizada (ausência de pêlos), ressecamento da pele e do pelame,  ausência de coceira, e às vezes mudança de cor, que acomete principalmente as raças Spitz, Poodle e Chow chow.

Os principais sintomas clínicos observados em cães e gatos com endocrinopatias estão descritos no quadro abaixo:

Diabetes mellitus

Aumento da sede, da frequência e do volume urinário, apetite voraz e emagrecimento.

Hipotiroidismo

Letargia, animal mais “preguiçoso ou sonolento”, ganho de peso, queda de pêlos (principalmente na cauda e na região do tórax bilateralmente), infecção cutânea recidivante sem coceira, fraqueza, apatia.

Hipertiroidismo

Mais frequente em gatos idosos! Aumento da sede, da frequência e do volume urinário, aumento do apetite e emagrecimento.

Hiperadrenocorticismo ou Síndrome de Cushing

Aumento da sede, da frequência e do volume urinário, apetite voraz, abdomen abaulado, cansaço fácil, fraqueza muscular, lesões cutâneas, queda dos pêlos, pele atrofiada, infecção cutânea recidivante sem coceira, dentre outros…

Obesidade

Animal com acúmulo de gordura, principalmente na região da barriga, flancos, base da cauda e pescoço. Animal fica mais cansado, ofegante, sente mais calor e anda com mais dificuldade.

Hipoadrenocorticismo

Sintomas crônicos de falta de apetite, emagrecimento, vômitos e/ou diarréia, prostração, “desânimo”, fraqueza muscular, tremores.

Insulinoma/Hipoglicemia

Fraqueza, incoordenação motora, sonolência, convulsão, desmaios, ganho de peso;

Alopecia X

Queda progressiva de pêlos; aspecto de pêlo de filhote, falha da repilação após tosa; ausência de pêlos generalizada (alopecia) poupando apenas cabeça e extremidades das patas; ausência de sinais sistêmicos e de coceira.

Vale lembrar que o diagnóstico de qualquer enfermidade deve ser baseado na história clínica fornecida pelo proprietário do animal, nos sintomas, no exame físico e complementado por exames laboratoriais e dosagens hormonais.

As endocrinopatias representam uma importante parcela de todas as patologias que acometem cães e gatos, notadamente os animais com mais de 6 anos de idade, devendo os proprietários ficarem atentos a elas!

MV MSc PhD Viviani De Marco – Serviço de Endocrinologia Naya Especialidades e Docente de Clínica Médica de Pequenos Animais da Universidade Santo Amaro (UNISA). Formada pela Universidade de São Paulo – FMVZ-USP;
Residência em Clínica Médica – Universidade de São Paulo – FMVZ-USP; Mestre em Clínica Médica – Universidade de São Paulo – FMVZ-USP;
Doutora em Endocrinologia – Faculdade de Medicina – Universidade de São Paulo – FM-USP; Membro da Comissão Científica da ABEV (Associação Brasileira de Endocrinologia Veterinária); Sócia da SBEM (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia).

  • Share This

Submit a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You must be logged in to post a comment.